10 de junho de 2019
  • Blog Mundo Mãe
  • A importância do brincar para o desenvolvimento de linguagem

A importância do brincar para o desenvolvimento de linguagem

Quando pensamos no desenvolvimento infantil, logo nos vem à mente que para se crescer é necessário que a criança esteja bem alimentada, trocada, com suas horas de sono bem definidas, que tenha rotina e que tenha afeto. Estes aspectos são realmente fundamentais para o desenvolvimento de uma criança, mas acabamos nos esquecendo de que as […]

Quando pensamos no desenvolvimento infantil, logo nos vem à mente que para se crescer é necessário que a criança esteja bem alimentada, trocada, com suas horas de sono bem definidas, que tenha rotina e que tenha afeto. Estes aspectos são realmente fundamentais para o desenvolvimento de uma criança, mas acabamos nos esquecendo de que as brincadeiras têm uma função essencial no crescimento de nossos filhos, tanto nos aspectos motores quanto nas habilidades de linguagem e na aquisição da consciência fonológica.

A consciência fonológica é o conhecimento da língua materna, que leva a percepção de que as palavras são constituídas por diversos sons e que estes formam nossa língua. A aquisição da consciência fonológica é importante tanto para o desenvolvimento da língua falada, quanto para futuramente auxiliar no processo de alfabetização.

O brincar ativa e amplia a capacidade de falar e de organizar os pensamentos.

A criança que fala sozinha enquanto brinca está fazendo uso de palavras e seus significados, fazendo uso da linguagem e gerando aprendizado. A criança exposta a um grande arsenal de palavras consegue estabelecer um vínculo saudável com os adultos e também promove um vocabulário mais amplo.

Ao participar das brincadeiras infantis, que em sua grande maioria estão recheadas de canções, rimas, trava-línguas, etc., a criança dá forma e movimento aos sons. Desta forma, o brincar em seu pleno movimento ativa e amplia a capacidade de falar e de organizar pensamentos por meio da fala.

O brincar estimula a linguagem, assim como a linguagem auxilia no brincar. Um alimenta o outro.

É na infância o tempo de perceber, ouvir, brincar, cantar. Neste sentido, proponha a redução do uso dos eletrônicos e de se investir mais tempo nas brincadeiras em família.

* Marina Almeida de Sá é fonoaudióloga, especialista em Fonoaudiologia Estética. Rua Voluntários de Piracicaba, 1185 – Bairro Alto, Piracicaba. (19) 3433-3513/ 99201-4431. E-mail: marinaalmeidafono@yahoo.com.br